VIVER NO QUADRADINHO

| RESIDENCIAL

Para os entusiastas da arquitetura, Brasília é a Disney. Em 1987, a cidade foi declarada Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco. Isso garante que o que se vê numa visita hoje é muito próximo ao que foi planejado no projeto original de 1957.

Como nem só de monumentos federais é feita a capital, uma das coisas mais legais de se explorar é o estilo de vida de quem mora nessa cidade planejada. O melhor portal de acesso é a 308 Sul, um quadrado de 250m x 250m, cercado por árvores por todos os lado. A combinação urbanismo/arquitetura/paisagismo atingiu seu ápice aqui.

Comece pela Igrejinha,  uma das primeiras construções da cidade. Ela foi encomendada a Niemeyer pela primeira dama, Sarah Kubitschek, como pagamento de uma promessa. De grupos de turistas japoneses a gente cool fazendo as fotos do casamento, todo mundo quer as pombinhas do Athos Bulcão como fundo do seu retrato em Brasília.

Em seguida adentre a 308 sul. Mas não dê voltas e não ande pelas calçadas que beiram as ruas. Atravesse o Bloco B pelo meio, sem ter que desviar de muros opressores ou de cerquinhas safadas, e vivencie o pilotis. Para os pimpolhos que moram aqui, descer pra brincar no pilotis é o prêmio depois de terminar o dever de casa. Pra um turista cansado de bater perna no sol, pode significar 20 minutos estendido no piso de granitina fria e convidativa, enquanto faz uma oração agradecendo aos deuses do modernismos pela sombra e brisa fresca.

Explorando a quadra você vai passar por espaços projetados pelo mestre maior do paisagismo brasileiro, Burle Marx. Nessa hora as pessoas costumam começar a fazer as contas pra ver se o que têm investido na renda fixa pode pagar o metro quadrado da região. Se tem gente morando bem assim, eu também quero ser uma delas, ora bolas!

Isso porque você ainda não viu o jardim de infância e 2 escolas lindas, espaçosas e cheias de áreas verdes, e tudo isso pra atender apenas os moradores dessa pequena região. Por essas e por outras, a 308 é a quadra modelo de Brasília, a menina dos olhos que a gente exibe, e que deveria ser, mas que não foi, replicada no resto da cidade.

Ainda fazem parte da Unidade de Vizinhança perfeita:

  • Clube Vizinhança – uma fraternidade na qual você só entra se morar em uma das 4 quadras que o cercam.
  • Espaço Cultural – espaço de exposições, teatro e cursos de artes abertos a todos. Serve também como ponto de encontro de adolescentes emos.
  • Cinema – tem as poltronas mais largas e confortáveis do Oeste! Como se isso não bastasse, sedia o Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, um dos mais importantes do Brasil, onde o público é conhecido por não segurar suas vaias, ainda que o diretor esteja lá para ouvi-las.

Pra finalizar o rolé: comida! Pra uma fome moderada, Pizzaria Dom Bosco. De pé, com a barriga encostada no balcão quente e com um tumulto visual na sua frente, descubra a felicidade que só uma fatia dupla promove.

Se você é do tipo que ainda valoriza refeições em uma mesa com cadeiras e talheres: Xique-Xique. Nunca vi quem precisasse de cardápio aqui. Peça a porção de carne de sol pra X pessoas e seja feliz. Para potencializar a experiência, recomendo manteiga de garrafa sem moderação.




  • Loading
    http://www.ovodecodorna.com/wp-content/themes/ovocito-v3

    Seja da nossa turma.
    Cadastre-se!

    Cadastre aqui seu email

    X

    Seja da nossa turma.
    Cadastre-se!

    Cadastre aqui seu email

    X